Gestão de pessoas: da Escolha do colaborador ao Resultado

  • 16/02/2018
  • comentário(s)

As pessoas são, de fato, o ponto fundamental na construção de um negócio de sucesso – e isto é constantemente sinalizado por grandes empreendedores. No entanto, se as pessoas são a fortuna do empresário, é necessário, ao mesmo tempo, perícia para fazer delas colaboradores líderes, que contribuam de fato para o crescimento do seu projeto empresarial.

Do ponto de vista prático, não se pode fazer tudo sozinho, então a parceria com os colaboradores deve começar já da escolha: quais critérios devem ser utilizados para selecionar aqueles que vão trabalhar na sua empresa? E como exercer o ato da delegação, presente em todas as atividades empresariais?

O primeiro passo na gestão da equipe é a escolha dos colaboradores. O ponto fundamental aqui é escolher colaboradores com capacidade liderística, e, para isso, você pode utilizar alguns critérios objetivos, que se baseiam no resultado profissional providenciado pelo indivíduo, que passam pelo valor profissional, a ambição do indivíduo, a sua coerência com a decisão do trabalho e o seu potencial, a sua “curva de crescimento”.

Outra questão que demanda atenção e preparação é a delegação de atividades. O líder deve ter domínio de todos os processos do seu negócio, mas precisa de “mais braços” para realizar as atividades operacionais. Deve-se ter em mente que delegar uma parte do próprio projeto a outros operadores é algo sério, e precisa ser feito com pessoas que estejam em harmonia com o interesse do empresário e seu projeto, pois o feixe de delegações, conduzido unitariamente pelo empresário, constitui depois o resultado desejado. Delegar de maneira eficiente implica em fazer com que o outro participe em autoridade, meios, responsabilidade, capacidade, objetivo e realização, e a verificação disto se dá por meio da honestidade e coerência apresentadas pelo colaborador conforme o que foi acordado e, claro, pelos resultados nos projetos empresariais. Para entender esse processo, podemos fazer uma analogia com o funcionamento do corpo humano: o cérebro (no caso, o empresário) distribui os diversos comandos para o resto do corpo humano, sempre coordenando a informação para ter ganho de saúde e funcionalidade.

O Escola de Negócios, curso promovido pela Antonio Meneghetti Faculdade, traz o que existe de mais moderno em técnicas de gestão e adiciona a Metodologia FOIL. Sempre com aulas ministradas por grandes empresários que enriquecem a experiência do aluno por meio da própria trajetória empresarial, o curso traz o tema Gestão de Pessoas em aulas sobre a relação colaborador, equipes e líder; seleção de pessoas; e delegação. Com uma abordagem distinta nos temas, o curso fornece uma novidade de conhecimento para que o empreendedor desenvolva o melhor resultado a partir da gestão eficiente do seu melhor recurso, as pessoas, se valendo do melhor de cada um para realizar o seu projeto!

Este e outros assuntos são abordados no curso de Extenção Escola de Negócios: faculdadeam.edu.br/extensao/escola-de-negocios

Comentários